Ásia

Vamos explicar o que é a Ásia, as suas características físicas e culturais. Além disso, como é sua economia, sua religião e a história deste continente.

A Ásia concentra 61% da população mundial.

O que é a Ásia?

A Ásia é um dos seis continentes da Terra e também o maior. Possui uma extensão territorial total de 44,5 milhões de quilômetros quadrados, o que representa 30% da área total do planeta. A Ásia também é o continente com a maior população, contando com cerca de 4,5 bilhões de habitantes, o que representa mais da metade da população mundial.

Na Ásia, estão localizados os dois países mais populosos do mundo: Índia e China. Em 14 de abril de 2023, a Índia ultrapassou a China em população e se tornou o país mais populoso do planeta. Atualmente, ela tem 1428 milhões de habitantes, o que é mais do que o dobro da população da Europa e mais do que a população de todos os países africanos juntos.

Por que recebeu esse nome? A origem do nome “Ásia” não é clara e há diversas teorias sobre sua origem. Uma delas sugere que deriva do nome de uma ninfa da mitologia grega. Em outra teoria, acredita-se que vem da palavra acadiana “asu”, que significa “leste”.

CARACTERÍSTICAS DA ÁSIA

  • É o maior continente do planeta e faz parte da massa continental conhecida como Eurásia, que compartilha com o continente europeu.
  • Está conectada ao continente africano por meio do Canal de Suez.
  • Possui a maior diversidade de etnias e culturas.
  • Devido ao seu vasto tamanho, possui uma grande variedade de climas.
  • Os idiomas mais falados são, em primeiro lugar, o chinês mandarim e, em segundo lugar, o hindi ou hindustani, o idioma oficial da Índia.

Extensão territorial, população e países da Ásia

A China é o segundo país mais populoso da Ásia.

O continente asiático faz parte da massa continental chamada Eurásia que compartilha com o continente europeu e que está conectada ao continente africano pelo canal de Suez. Faz fronteira com o oceano Ártico ao norte, com o oceano Índico ao sul, com o oceano Pacífico a leste e com os montes Urais a oeste. Possui uma área total de aproximadamente 44,5 milhões de quilômetros quadrados.

A Ásia é formada por 48 países, incluindo alguns dos maiores e mais populosos do planeta.

  • Rússia. Possui uma área de aproximadamente 17 milhões de quilômetros quadrados.
  • China. Possui uma área de aproximadamente 9,5 milhões de quilômetros quadrados.
  • Índia. Possui uma área de aproximadamente 3,2 milhões de quilômetros quadrados.
  • Cazaquistão. Possui uma área de aproximadamente 2,7 milhões de quilômetros quadrados.
  • Arábia Saudita. Possui uma área de aproximadamente 2,1 milhões de quilômetros quadrados.

A população total do continente é de mais de 4,5 bilhões, o que o torna o continente com maior densidade populacional do mundo. Os países mais populosos da Ásia são:

  • Índia. Tem uma população de 1428 milhões de habitantes. É o país mais populoso do planeta.
  • China. Tem uma população de 1423 milhões de habitantes. É o segundo país mais populoso do planeta.
  • Indonésia. Tem uma população de 259 milhões de habitantes.
  • Paquistão. Tem uma população de 201 milhões de habitantes.
  • Bangladesh. Tem uma população de 156 milhões de habitantes.

Características físico-naturais da Ásia

O monte Fuji é o pico mais alto da ilha de Honshu, no Japão.

A Ásia se caracteriza pela grande variabilidade das condições naturais, tanto com relação ao relevo quanto ao clima e à hidrografia. No que diz respeito ao relevo, o Himalaia, a cadeia de montanhas mais alta do mundo, está situado no centro do continente, com picos de mais de 8500 metros de altura. Nele se encontra o Monte Everest, com 8848 metros acima do nível do mar, sendo a montanha mais alta do mundo.

Ao norte do Himalaia, há extensos planaltos, como o planalto de Gobi, que cobre grande parte da China. Ao norte e ao leste do continente, o relevo que predomina são as planícies, incluindo a planície da Sibéria Ocidental, a planície do Norte da China e a planície do Sul da China.

Devido à grande extensão latitudinal da Ásia, seus climas apresentam grande variação. Apresenta climas quentes e úmidos no sul, em áreas equatoriais, desertos quentes e secos em áreas tropicais, temperado e úmido em áreas de latitude média, frio e úmido em áreas de latitude mais alta e frio polar no norte da Rússia. Adicionalmente, sua grande extensão determina a existência de grandes áreas afastadas da influência do mar, o que determina um clima muito seco com grandes amplitudes térmicas.

A extensão de sua área e o grau de umidade da maioria de seus climas também determinam a presença de grandes bacias hidrográficas e rios extensos, como o rio Yangtzé, que com mais de 6300 quilômetros é um dos mais longos do mundo, o rio Amarelo com 5400 e o Mekong com 4880.

Flora e fauna da Ásia

A imensidão do continente e a variabilidade do relevo e do clima também favorecem a diversidade do ecossistema. A flora da Ásia é muito diversificada, contendo uma grande variedade de espécies. Na região sudeste, há florestas tropicais onde crescem árvores como o bambu e o dendê. No leste e no norte, predominam as florestas de coníferas, enquanto nas áreas mais frias do norte, destacam-se as florestas de bétula, salgueiro, álamo e pinheiro.

A fauna da Ásia é igualmente diversificada. Os elefantes asiáticos, os tigres, os leopardos-das-neves, os leopardos asiáticos, os ursos marrons, os rinocerontes e os orangotangos são alguns dos animais mais importantes do continente. Nas regiões áridas do Oriente Médio, vivem espécies como camelos e raposas do deserto. O continente também abriga uma grande variedade de pássaros, como a águia imperial, o grifo-dos-himalaias e o flamingo asiático.

Cultura e religião da Ásia

Budismo - Asia - Religiones
Na Ásia, encontram-se inúmeros templos que são Patrimônio da Humanidade.

O idioma mais falado na Ásia é o chinês mandarim, utilizado por mais de 1 bilhão de pessoas na China e em outros países asiáticos. O segundo é o hindi, o idioma oficial da Índia. O árabe, no sul do continente, e o bengali, em Bangladesh, também são idiomas usados por milhões de pessoas.

A Ásia é considerada o berço das principais religiões do mundo, incluindo o judaísmo, o cristianismo, o Islã, o budismo e o hinduísmo. O imenso continente possui diversas cidades e locais sagrados com obras arquitetônicas exclusivas que representam diferentes religiões. Muitas delas são consideradas Patrimônio da Humanidade e, combinadas com as paisagens naturais, são uma das principais atrações turísticas.

O Taj Mahal na Índia, a Meca na Arábia Saudita, o Templo do Céu na China, o Templo Borobudur na Indonésia e a Mesquita Omar, o Muro das Lamentações e a Igreja da Anunciação em Israel são alguns dos locais religiosos mais importantes do mundo.

Atividades econômicas da Ásia

O Taj Mahal é uma das sete maravilhas do mundo, foi construído entre 1631 e 1648.

A China e o Japão são duas das maiores potências econômicas do mundo. Esses dois países, juntamente com os chamados “tigres asiáticos” (Hong Kong, Cingapura, Coreia do Sul, Taiwan, Malásia, Tailândia, Indonésia e Filipinas), são os países mais desenvolvidos economicamente do continente.

Ainda que muitos desses países mantenham uma economia baseada principalmente na agricultura, seu desenvolvimento tecnológico e industrial, o crescimento da prestação de serviços e o comércio nacional e internacional os posicionaram como algumas das economias mais importantes do mundo.

Outros países, como Arábia Saudita, Irã, Iraque, Kuwait, Catar e Emirados Árabes Unidos, baseiam suas economias na produção e exportação de petróleo. Em contrapartida, países como Bangladesh, Laos e Afeganistão apresentam um desenvolvimento econômico muito menor e estão situados entre os países mais pobres da Ásia e do mundo.

Finalmente, o turismo é uma das atividades econômicas mais importantes da Ásia. Entre os principais países com grandes atrações turísticas estão:

  • Butão. Situado na cordilheira do Himalaia, destaca-se por suas paisagens e arquitetura, como o mosteiro Taktshang.
  • Camboja. Destaca-se por suas principais cidades: a capital Nom Pen, Angkor e Siem Reap com os Jardins Reais.
  • China. Pequim tem uma história arquitetônica sem precedentes com construções como a Grande Muralha da China, a Cidade Proibida e o Palácio de Verão.
     Índia.
  • Índia. Destaca-se pela arquitetura monumental, como o Taj Mahal, na cidade de Agra, que foi construído entre 1631 e 1648. É considerada uma das sete maravilhas do mundo.
  • Israel. A cidade de Jerusalém é muito importante para as religiões católica, judaica e muçulmana. Recebe a visita de milhões de turistas todos os anos.
  • Japão. Sua capital, Tóquio, é um dos destinos turísticos mais importantes do mundo.
  • Laos. Destaca-se pela cidade de Luang Prabag, considerada Patrimônio da Humanidade devido aos seus templos. Em Vientiane, sua capital, encontra-se o santuário mais importante do país, Pha That Luang.
  • Maldivas. Situada no oceano Índico, destaca-se por suas inúmeras atrações naturais e por proporcionar diversas atividades como o mergulho.
  • Nepal. Destaca-se por sua capital Kathmandu, uma das cidades mais antigas, pelos seus templos e por suas paisagens naturais montanhosas, como o Himalaia.
  • Tailândia. Destaca-se por suas praias e destinos turísticos relacionados a esportes aquáticos.
  • Vietnã. Destaca-se por seus diversos locais de Patrimônio da Humanidade, como a antiga cidade de Hoi An, a Baía de HaLong e o santuário de Mi-sön.

Características políticas da Ásia

A Ásia é formada por 48 países. Todos eles têm representação total nas Organizações das Nações Unidas, com exceção da Palestina e de Taiwan, que são nações que não têm reconhecimento político e participam apenas como membros observadores sem direito a voto.

Além disso, há outros blocos econômicos e políticos formados por alguns dos países do continente. Os principais são:

  • A Associação das Nações do Sudeste Asiático (ASEAN). É composta pela Tailândia, Indonésia, Malásia, Cingapura, Filipinas, Laos, Vietnã, Camboja, Mianmar e Brunei.
  • O Fórum da Cooperação Econômica Ásia-Pacífico (APEC). É formado por alguns países asiáticos, como Tailândia, Cingapura e Filipinas, além de países da Oceania e das Américas.
  • A Comunidade dos Estados Independentes (CIS). É formada pela maioria dos países que faziam parte da antiga União Soviética, como Ucrânia, Uzbequistão e Cazaquistão.
  • A Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep). É formada pela Arábia Saudita, Irã, Iraque, Kuwait, Emirados Árabes Unidos e outros países da África e das Américas.

No continente, há vários conflitos políticos e territoriais em andamento, com uma longa história de confronto entre os países da região. Alguns dos principais são:

  • O confronto entre a China e Taiwan sobre a independência deste último.
  • O conflito entre a Coreia do Norte e a Coreia do Sul, que teve início na década de 1950 com uma guerra que custou a vida de mais de 5 milhões de pessoas e persiste até hoje com negociações diplomáticas.
  • O conflito entre a Índia e o Paquistão sobre a região da Caxemira.
  • Movimentos separatistas, como o da Chechênia, na Rússia.
  • O conflito entre a Palestina e Israel, que já dura décadas e tem como resultado confrontos militares em vez de negociações diplomáticas que não são resolvidas.
  • A guerra entre a Rússia e a Ucrânia começou em 2022 e ainda está em andamento.

História da Ásia

Uma das culturas mais antigas da Ásia é a civilização do Vale do Indo, que foi estabelecida no que hoje é o Paquistão e a Índia há mais de 3500 anos. A civilização chinesa, que remonta a cerca de 5000 anos, é outra importante cultura asiática antiga. Durante sua longa história, a China foi governada por muitas dinastias diferentes, incluindo a dinastia Zhou, a dinastia Qin e a dinastia Han.

No século I d.C., o Império Romano deu início à sua expansão na Ásia e conquistou grande parte do Oriente Próximo. Nesse período, o cristianismo começou a se difundir na região e, no século IV, tornou-se a religião oficial do império.

Posteriormente, o Islã se espalhou pela Ásia com a chegada dos árabes e a criação do califado islâmico no século VII. A religião e a cultura islâmicas exerceram grande influência em muitas regiões da Ásia, onde surgiram grandes impérios, como o Império Mongol, que governou algumas regiões da Índia, Paquistão e Bangladesh do século XVI ao XIX.

No século XIX, as potências europeias começaram a colonizar grande parte da Ásia, o que levou a uma série de conflitos e lutas pela independência. O Império Britânico, em especial, exerceu grande influência na Ásia ao colonizar a Índia, a Malásia, Cingapura e Myanmar, entre outros países. A ocupação japonesa da Coreia, da China e de outros países também provocou um grande impacto na região.

No século XX e depois do término da Segunda Guerra Mundial, alguns países do continente, como a China e Cingapura, iniciaram uma fase de crescimento econômico que os transformaria em algumas das maiores potências políticas e produtivas do mundo.

Referências

  • Cátedra Uno (s.f) Asia: características, clima, relieve, hidrografía, países y regiones. CatedraUno
  • El Kanfoudi, A. (2023) Que es la ASEAN. ElOrdenMundial
  • Geoenciclopedia (2022) Asia. Geoenciclopedia
  • Ortega, J. A. (s.f) Horizonte demográfico de Asia. Anuario Asia - Pacífico.

Como citar?

As citações ou referências aos nossos artigos podem ser usadas de forma livre para pesquisas. Para citarnos, sugerimos utilizar as normas da ABNT NBR 14724:

SPOSOB, Gustavo. Ásia. Enciclopédia Humanidades, 2023. Disponível em: https://humanidades.com/br/asia/. Acesso em: 7 junho, 2024.

Sobre o autor

Autor: Gustavo Sposob

Professor de Geografia do ensino médio e superior (UBA).

Traduzido por: Márcia Killmann

Licenciatura em letras (UNISINOS), Doutorado em Letras (Universidad Nacional del Sur)

Data da última edição: 22 abril, 2024
Data de publicação: 13 julho, 2023

Esta informação foi útil para você?

Não

    Genial! Obrigado por nos visitar :)