Desembarque na Normandia

Vamos explicar o que foi o desembarque na Normandia e que importância teve para o desfecho da Segunda Guerra Mundial.

Mais de 150 mil soldados aliados participaram do desembarque na Normandia.

O que foi o desembarque na Normandia?

O desembarque na Normandia foi a invasão aliada do litoral noroeste da França durante a Segunda Guerra Mundial (1939–1945). Começou em 6 de junho de 1944 (o chamado “Dia D”) e esteve protagonizado por tropas norte-americanas, britânicas, canadenses e, em menor medida, francesas e de outros países aliados. Foi o início da Operação Overlord que teve o objetivo de ganhar terreno aos alemães na Normandia para depois avançar sobre o resto da França.

O general americano Dwight D. Eisenhower liderou o desembarque na sua condição de comandante supremo das forças aliadas. A invasão foi uma operação anfíbia (ou seja, executada por forças terrestres, navais e aéreas) que envolveu o transporte de tropas e tanques em embarcações que cruzaram o Canal da Mancha e contou com o apoio de ataques aéreos.

O desembarque da Normandia foi um episódio decisivo da guerra entre os Aliados e a Alemanha nazista, pois permitiu a libertação da França, que se completou em agosto de 1944, e o posterior avanço sobre a Alemanha. A marcha simultânea das tropas soviéticas do leste levou à derrota alemã em maio de 1945.

Perguntas frequentes

O que foi o desembarque na Normandia?

O desembarque na Normandia foi a invasão aliada do litoral do noroeste da França que começou em 6 de junho de 1944. Foi o início da libertação da França, ocupada pelo regime nazista, no contexto da Segunda Guerra Mundial.

Quais países participaram no desembarque na Normandia?

O desembarque na Normandia foi protagonizado por tropas americanas, britânicas e canadenses, embora também participaram soldados franceses e de outros países aliados.

Por que se chama “Dia D” ao desembarque na Normandia?

O termo “Dia D” geralmente é usado em termos militares para se referir ao dia do início de uma operação militar, assim como o termo “Hora H” se refere ao horário exato. Devido à importância do desembarque na Normandia, o termo“Dia D” usado para 6 de junho de 1944 ficou associado a este episódio histórico.

Quantos soldados morreram no desembarque na Normandia?

Estima-se que pelo menos 4415 soldados aliados morreram no desembarque na Normandia, incluindo 2502 americanos, 1449 britânicos e 391 canadenses. Também houve grande número de feridos. Os alemães perderam entre 4 mil e 9 mil homens entre mortos, feridos e prisioneiros.

Contexto histórico

A Segunda Guerra Mundial enfrentou os Aliados e as potências do Eixo entre 1939 e 1945. Na Europa, a guerra deu uma volta favorável aos Aliados pouco depois dos sucessos alcançados no norte da África.

No início de 1943, o Exército Vermelho derrotou os alemães em Stalingrado e, entre julho e agosto de 1943, as forças britânicas e americanas invadiram a Sicília e o sul da Itália, o que provocou a queda do regime de Benito Mussolini.

Os líderes e ministros das três potências aliadas (União Soviética, Estados Unidos e Reino Unido) reuniram-se em uma série de conferências para decidir as próximas ações militares e discutir a ordem do pós-guerra. A União Soviética insistiu na necessidade de um ataque dos Estados Unidos e do Reino Unido na frente ocidental para libertar a pressão do Exército Vermelho na frente oriental.

Na Conferência de Teerão, no final de 1943, o primeiro-ministro britânico Winston Churchill e o presidente americano Franklin D. Roosevelt comprometeram-se com o líder soviético Josef Stalin a iniciar a invasão da França nos próximos meses. A operação ficou sob a liderança do comandante supremo das forças aliadas, o general Dwight D. Eisenhower.

Para despistar os alemães, os Aliados confiaram ao general norte-americano George Patton a condução de um exército fictício que se dirigiria ao estreito de Calais, enquanto a verdadeira invasão estava planejada para ocorrer no litoral da Normandia. O Dia D (ou seja, a data de desembarque na Normandia) foi fixado em 6 de Junho de 1944.

O resultado do desembarque na Normandia

O dia 6 de junho de 1944, conhecido como o Dia D, os Aliados iniciaram o desembarque de um exército de mais de 150 mil soldados (73 mil norte-americanos e 83 mil britânicos e canadenses) sobre cinco praias da Normandia que receberam os seguintes nomes de código: Omaha, Utah, Sword, Gold e Juno. Assim começou a Operação Overlord, ou seja, a invasão aliada do norte da França.

Comandadas pelo general Eisenhower, as tropas aliadas superaram as defesas organizadas pelo marechal alemão Erwin Rommel. A supremacia aérea anglo-americana foi a chave para o sucesso da operação. Os aviões aliados destruíram a maioria das pontes sobre os rios Sena e Loire, impedindo os alemães de enviar reforços para a Normandia.

A isto se acrescenta a dificuldade dos alemães em cobrir o extenso litoral francês, que tinha um comprimento de 4800 quilômetros entre a fronteira com a Espanha e os Países Baixos. As constantes contradições e discordâncias também influenciaram o comando militar alemão sobre onde o desembarque teria lugar e como deveria ser enfrentado.

O sucesso do desembarque permitiu o rápido avanço das tropas aliadas para o coração da França. No dia 25 de agosto de 1944, os Aliados libertaram Paris e, posteriormente, começaram a organizar o avanço para a Alemanha.

O desembarque da Normandia foi um dos elementos-chave da derrota do Terceiro Reich, que terminou com a rendição alemã em maio de 1945.

Referências

  • Beevor, A. (2017). El día D. La batalla de Normandía. Crítica.
  • Keegan, J. (2014). Seis ejércitos en Normandía. Del Día D a la liberación de París. Booket.
  • Keegan, J. (2023). Normandy Invasion. Encyclopedia Britannica. https://www.britannica.com/
  • Stone, N. (2013). Breve historia de la Segunda Guerra Mundial. Ariel.The National D-Day Memorial Foundation (s.f.). Why D-Day Matters. Sitio web de National D-Day Memorial Foundation. https://www.dday.org/

Como citar?

As citações ou referências aos nossos artigos podem ser usadas de forma livre para pesquisas. Para citarnos, sugerimos utilizar as normas da ABNT NBR 14724:

GAYUBAS, Augusto. Desembarque na Normandia. Enciclopédia Humanidades, 2023. Disponível em: https://humanidades.com/br/desembarque-na-normandia/. Acesso em: 27 maio, 2024.

Sobre o autor

Autor: Augusto Gayubas

Doutor em História (Universidad de Buenos Aires)

Traduzido por: Cristina Zambra

Licenciada em Letras: Português e Literaturas da Língua Portuguesa (UNIJUÍ)

Data da última edição: 29 dezembro, 2023
Data de publicação: 28 setembro, 2023

Esta informação foi útil para você?

Não

    Genial! Obrigado por nos visitar :)