França

Vamos explicar tudo sobre a França, como é o clima, a flora e fauna deste país. Além disso, suas características, tradições, economia e muito mais.

Francia
A capital da França é Paris, uma das cidades mais visitadas do mundo.

França

A França (ou a República Francesa) é um país soberano situado na Europa Ocidental e membro da União Europeia. Tem uma superfície total, entre ilhas e território continental, de 675 417 quilômetros quadrados e sua capital é Paris, uma das cidades mais turísticas do mundo, que está atravessada pelo rio Sena.

É uma república semipresidencial e uma das principais economias mundiais. A França se destaca por sua produção de vinhos, suas paisagens, cultura e sua história, que fazem deste país um dos mais visitados do mundo.

A parte continental da França limita ao sul com o mar Mediterrâneo, Itália e Mônaco; ao sudoeste com o mar Cantábrico, Andorra e Espanha; a oeste com o oceano Atlântico; ao norte com o Canal da Mancha, com o mar do Norte, Bélgica e com o Reino Unido (com o qual está ligado por um túnel subterrâneo que atravessa o Canal da Mancha) e ao leste com Luxemburgo, Suíça e com a Alemanha.

Algumas características da França

Francia
A França está dividida em 13 regiões administrativas.
  • Idioma. O idioma oficial da França é o francês, língua que provém do latim junto com o espanhol e o italiano.
  • População. Na França vivem mais de 67 milhões de pessoas, a maioria está distribuída no continente europeu e uma minoria vive em territórios franceses ultramarinos. As cidades mais populosas do país são Paris, Marselha e Lyon. A população provém, na sua maioria, de povos celtas, embora a partir do século XIX a França tenha começado a receber um grande número de imigrantes.
  • Religião. A França permite a liberdade religiosa e é um estado laico. Cerca de metade da população professa a religião católica e o resto dos habitantes outras religiões, como a muçulmana ou a judaica, ou o ateísmo.
  • Símbolos pátrios. Os principais símbolos da França são a bandeira, o hino (conhecido como A Marselhesa), o lema “liberdade, igualdade e fraternidade” (surgido na Revolução Francesa) e o escudo.
  • Moeda. A moeda oficial da França é, desde 2002, o euro. Antes era utilizado o franco francês.
  • Forma de governo. A França é uma república semipresidencial liderada por um presidente (que é Chefe de Estado) que nomeia um primeiro-ministro (que é chefe de governo).
  • Educação. A França tem um sistema de educação público obrigatório para todas as crianças entre os 6 e os 16 anos. O sistema educativo divide-se em: ensino fundamental, que inclui a escolarização entre os 6 e os 11 anos; ensino médio, entre os 12 e os 16 anos e o ensino superior, formado pelas universidades. A França é um país com mais de 80 universidades públicas.
  • Saúde. Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), a França conta com alguns dos melhores sistemas de saúde do mundo, graças à sua infraestrutura, planos de saúde, cobertura a um grande número da população, entre outros fatores.

Depois de uma reforma realizada em 2016, o território francês localizado na Europa foi dividido em 13 principais regiões administrativas, que são formadas por departamentos. Estas regiões incluem as 22 regiões anteriormente existentes.

Além disso, o território francês inclui cinco departamentos ultramarinos: Guadalupe e Martinica (localizadas no mar do Caribe), Guiana Francesa (localizada na América do Sul), Mayotte e Reunião (localizadas no oceano Índico) e outras coletividades.

As regiões francesas são:

  • Pays de la Loire (Países do Loire). É uma região localizada no leste do país, que é atravessada pelo rio Loire e sua capital é Nantes.
  • Bretagne (Bretanha). É uma região localizada no sudoeste do país e sua capital é Rennes.
  • Normandie (Normandia). É uma região localizada no norte do país e sua capital é Ruan.
  • Hauts de France (Alta França). É uma região localizada no nordeste do país e sua capital é Lille.
  • Île de France (Ilha de França). É a região francesa mais populosa e está localizada no norte do país. Sua capital é Paris.
  • Grand Est (Grande Leste). É uma região localizada no nordeste do país e sua capital é Estrasburgo.
  • BourgogneFranche Comté (Borgonha Franco Condado). É uma região localizada no centro-leste do país e sua capital é Dijon.
  • Centre-Val de Loire (Centro-Vale do Loire). É uma região localizada no centro do país e sua capital é Orleans.
  • Nouvelle-Aquitaine (Nova Aquitânia). É a região mais extensa da França e está localizada no sudoeste do país. Sua capital é Bordeaux.
  • Auvergne – Rhône – Alpes (Auvérnia-Ródano-Alpes). É uma região localizada no sudeste do país e sua capital é a cidade de Lyon.
  • Occitanie (Occitânia). É uma região localizada no sul do país e sua capital é Toulouse.
  • Provence-Alpes-Côte d'Azur (Provença-Alpes-Costa Azul). É uma região localizada no sudeste do país e sua capital é Marselha.
  • Corse (Córsega). É uma ilha localizada no mar Mediterrâneo e sua capital é Ajaccio.

O relevo da França

Alpes franceses - Francia
A França tem cadeias montanhosas como os Alpes.

A França é o maior país da Europa Ocidental, com um território de 675 417 quilômetros quadrados. O seu território continental está rodeado por massas de água, como o mar Mediterrâneo (ao sul), o mar do Norte e o Canal da Mancha (ao norte) e o oceano Atlântico (ao oeste). Além disso, é atravessado por rios como o Loire, o Sena e o Garonne.

A maior parte do território francês é uma planície, porém, também conta com importantes maciços como o Central, que é o maciço francês mais extenso e está localizado no centro-sul do país.

A França tem no seu território cadeias montanhosas como os Pirenéus (situados entre a Espanha e a França), os Alpes (onde se situa o Monte Branco (4.808 metros) e a cordilheira dos Vosgos (no nordeste do país).

O clima da França

Francia
Existem diferentes tipos de climas no território francês.

A França é um país com um clima ameno e agradável, embora isso varie de acordo com a área geográfica.

  • Clima mediterrâneo. Este tipo de clima é o que ocorre na zona sul do país. Caracteriza-se por verões quentes, secos e ensolarados e invernos frios e chuvosos.
  • Clima oceânico. É um tipo de clima temperado que está localizado na margem ocidental da França. É caracterizada por seus verões quentes e invernos frescos e por sua alta umidade e grande presença de precipitações.
  • Clima continental. Este tipo de clima se dá no lado leste do país e se caracteriza pelas escassas precipitações e por apresentar uma grande amplitude térmica (com temperaturas médias de 24 °C, que podem chegar aos 40 °C no verão).
  • Clima alpino. Este tipo de clima está nas zonas montanhosas da França e caracteriza-se pelos invernos longos e frios e verões curtos e não muito quentes.

A flora e a fauna da França

Francia
No sul da França se pode ver árvores de amoreira, videiras, oliveiras e louros.

A flora da França é muito variada graças aos seus diferentes climas, relevos e solos. Na zona do aciço central podem encontrar-se espécies vegetais como a faia e o castanheiro. Na zona subalpina podem-se ver pinheiros anões e zimbros.

Na parte norte do país há florestas de carvalhos, álamos, salgueiros e bétulas e para o sul podem-se encontrar árvores de amoreira, videiras, oliveiras e louro.

Quanto à sua fauna, é também abundante e variada: os mamíferos maiores são os cervos e as raposas e na zona dos Pirenéus e dos Alpes podem encontrar-se ursos pardos, lebres alpinas e rebecos. Na área de floresta habitam javalis, veados, furões e zibelinas.

Na parte sul do país podem encontrar-se répteis como víboras e tartarugas e nas zonas marinhas habitam várias espécies de peixes, como o bacalhau, a sardinha e o golfinho.

A arte e a cultura francesa

A França é um país com uma história rica e prolífica, com intelectuais e artistas que se destacaram em âmbitos como a filosofia, a pintura e as letras. Alguns dos principais representantes da Cultura Francesa são:

Na arte:

  • Eugene Delacroix (1798-1863). Foi um pintor francês e um dos principais representantes do Romantismo. Delacroix inovou no uso da cor e sua arte foi influência para o posterior movimento impressionista. Algumas de suas obras mais representativas são A Liberdade Guiando o Povo, A Morte de Sardanápalo e A Barca de Dante.
  • Édouard Manet (1832-1883). Foi um pintor francês considerado o pai da arte moderna francesa e o precursor do Impressionismo (embora nunca tenha feito parte do movimento). Algumas de suas obras são Café da Manhã na Grama, Música nas Tulherias e Olympia.
  • Edgar Degas (1834-1917). Foi pintor e escultor francês e um dos referentes do Impressionismo. Muitas de suas obras estiveram ambientadas no ballet e algumas de suas pinturas mais destacadas são Sala de Ensaio do Balé no Teatro da Óperat, A Família Bellelli e A Banheira.
  • Paul Cézanne (1839-1906). Foi um pintor francês que adquiriu fama de forma póstuma e é considerado um dos pais da arte moderna. Destacou-se na representação de paisagens, natureza morta e cenas domésticas e da vida cotidiana. Suas obras mais destacadas são Os Jogadores de Cartas, Natureza Morta com Maçãs e As Banhistas.
  • Claude Monet (1840-1926). Foi um pintor francês expoente do movimento impressionista, corrente que se caracterizou pelo uso de cores puras, pinceladas breves e o uso da luz. Algumas de suas obras mais destacadas são Impressão, Sol Nascente, O Lago das ninfeias e Crepúsculo em Veneza.
  • Auguste Renoir (1841-1919). Foi um pintor francês impressionista que se caracterizou por suas pinturas de paisagens e nus nas quais transmitiu situações felizes e calmas. Suas obras mais destacadas são O Almoço dos Remadores, Baile no Moulin de la Galette e La Grenouillère.
  • Henri Rousseau (1844-1910). Foi um pintor francês expoente da arte naif (arte espontânea ou autodidata). Sua obra se caracterizou pelo sonho e as cores fortes. Suas pinturas mais destacadas são O Sonho, Leão Faminto e Eu Mesmo.
  • Paul Gauguin (1848-1903). Foi um pintor francês pós-impressionista que se destacou por seu sintetismo, caracterizado pelo uso de formas simples e cores planas. Passou grande parte da sua vida no Taiti (Polinésia) e na sua arte retratou as paisagens e habitantes desta zona do Pacífico. Suas obras mais destacadas são Cristo Amarelo, Mulheres do Taiti e Seios com Flores Vermelhas.
  • Henri Matisse (1869-1954). Foi um pintor francês considerado referência da arte moderna e da pintura do século XX. Pertenceu ao Fauvismo, movimento que se caracterizou pelo uso da cor. Algumas das obras emblemáticas deste artista são A Dança, Nu Azul e Mulher com Chapéu.
  • Marcel Duchamp (1887-1968). Foi um pintor e jogador francês considerado um dos artistas mais influentes do século XX. Foi um expoente do Dadaísmo e dos ready-mades (dar a objetos cotidianos a importância de obras de arte) com obras que faziam foco no inovador e fugaz. Algumas de suas obras mais destacadas são Roda de Bicicleta, Nu Descendo uma Escada e Fonte.

Na literatura:

  • Molière (1622-1673). Foi um dramaturgo e poeta francês e um dos maiores expoentes literários da França. Foi autor de comédias e farsas que incluíam críticas sociais e políticas à época. Algumas de suas obras mais reconhecidas são O Avarentoo, Dom Juan e O Tartufo.
  • Henri Beyle (Stendhal) (1783-1842). Foi um escritor francês e um dos fundadores da novela moderna, entre suas obras mais destacadas estão O Vermelho e o Negro, A Cartuxa de Parma e Armance.
  • Honoré de Balzac (1799-1850). Foi um romancista francês e um dos maiores expoentes do romance realista francês. Sua obra-prima foi A Comédia Humana, um projeto no qual reuniu mais de 80 romances e relatos.
  • Victor Hugo (1802-1885). Foi um poeta e romancista francês que se destacou em uma grande variedade de gêneros e foi expoente do Romantismo com obras de grande conteúdo social. Suas obras mais destacadas são Os Miseráveis, Nossa Senhora de Paris e O Homem que Ri.
  • Charles Baudelaire (1821-1867). Foi um poeta e crítico francês e um dos principais representantes do Simbolismo (movimento literário que buscou com a poesia decifrar enigmas metafísicos e do mundo). Sua obra emblemática foi Flores do Mal e é considerado o precursor da poesia moderna.
  • Gustave Flaubert (1821-1880). Foi um escritor francês e um dos melhores romancistas do seu país. A sua obra mais reconhecida é Madame Bovary e, além disso, escreveu outras como A educação sentimental e Salambô.
  • Marcel Proust (1871-1922). Foi um romancista francês mundialmente reconhecido por sua obra autobiográfica Em Busca do Tempo Perdido, romance que está reunido em sete volumes.
  • Paul Valéry (1871-1945). Foi um escritor e ensaísta francês e um dos poetas franceses mais conhecidos. Suas obras mais destacadas são A Jovem Parca, Cemitério Marinho e Meu Fausto.
  • Simone de Beauvoir (1908-1986). Foi escritora e filósofa francesa conhecida por ser defensora dos direitos da mulher. Foi precursora do movimento feminista e escreveu romances, ensaios e crônicas, entre os quais se destacam O Segundo Sexo, A Convidada e Memórias de uma Moça Bem-comportada.
  • Albert Camus (1913-1960). Foi um escritor, jornalista e filósofo francês autor de célebres obras como A Queda, O Estrangeiro e A Peste. Foi vencedor do Prêmio Nobel de Literatura em 1957 e em sua obra se observa uma grande influência do pensamento existencialista.

Na filosofia:

  • René Descartes (1596-1650). Foi um filósofo e matemático francês e um dos expoentes da Revolução Científica do século XVII. É considerado o pai da filosofia moderna e da geometria analítica. Entre suas grandes contribuições estão os pensamentos racionalistas e a dúvida metódica.
  • Blas Pascal (1623-1662). Foi um matemático, físico e filósofo francês. Fez grandes contribuições no âmbito da matemática e da física (como as leis da probabilidade e o princípio de Pascal sobre a pressão), e na filosofia, suas ideias se evidenciaram em obras como Pensamentos e As Provinciais.
  • Montesquieu (1689-1755). Foi um filósofo francês pertencente ao movimento ilustrado do século XVIII. Um de seus principais aportes foi a noção da divisão de poderes dentro do Estado (desenvolvida em sua obra O Espírito das Leis) e é considerado um dos precursores do liberalismo moderno.
  • Voltaire (1694-1778). Foi um filósofo e advogado francês e um dos principais expoentes do Iluminismo. Defendeu ideias e princípios como a laicidade, a igualdade e os direitos humanos.
  • Denis Diderot (1713-1784). Foi um filósofo e escritor francês do Iluminismo. Entre suas obras se destaca La Encyclopédie, um compêndio dos saberes conhecidos até o século XVIII. Teve um pensamento materialista e deísta.
  • Auguste Comte (1798-1857). Foi um filósofo francês e o pai do positivismo (teoria que entendia a ciência como única fonte de conhecimento) e da sociologia. Entre as suas contribuições destacou-se a lei dos três estados, na qual afirmava que a ciência passava por dois estágios (o teológico e o metafísico) até chegar ao estágio definitivo: o Positivismo.
  • Jean Paul Sartre (1905-1980). Foi um filósofo e escritor francês e um dos principais expoentes do existencialismo. Suas ideias abrangeram disciplinas como a filosofia, literatura e a sociologia. Algumas de suas obras mais destacadas são O ser e o nada, As moscas e Crítica da razão dialética.
  • Michel Foucault (1926-1984). Foi um filósofo e sociólogo francês que se destacou no estudo de temas como a psiquiatria, a saúde mental, a sexualidade, as relações de poder, entre outros. Algumas de suas obras são Vigiar e Punir, História da Loucura na Idade Clássica e As Palavras e as Coisas.
  • Jacques Derrida (1930-2004). Foi um filósofo francês que desenvolveu a ideia da desconstrução, entendida como a ferramenta para desmontar conceitos e analisar estruturas imperantes. Algumas de suas obras mais relevantes são A Escrita e a Diferença, A disseminação e Gramatologia.

As tradições e os costumes franceses

  • Gastronomia. A França é um país mundialmente reconhecido por sua gastronomia. Entre os pratos e alimentos mais destacados estão: raclette (tipo de queijo), ratatouille (prato com verduras), croissant (produto de pastelaria), foie gras (fígado de pato ou ganso), coq au vin (guisado de galo ou frango), crepes (massa em forma de disco), aligot (guarnição), soupe à l' Oignon (sopa de cebola), Quiche Lorraine (bolo salgado), Cassoulet (guisado), macarons (doces), escargots (caracóis), Moules-Frites (mexilhões com batatas fritas), baguette (tipo de pão), entre muitos outros. Devido à sua grande cultura e desenvolvimento vinícola, o vinho é uma das bebidas mais populares do país.
  • Moda. A moda francesa é muito reconhecida no mundo e a cidade de Paris é uma das grandes capitais do design têxtil. Entre os desenhadores mais destacados da França estão Coco Chanel, Yves Saint Laurent, Jean Paul Gaultier, Hubert de Givenchy, Pierre Cardin, Christian Dior, Nina Ricci, entre outros.
  • Esporte. O esporte mais popular na França é o futebol e dentro dos clubes mais conhecidos estão o Paris Saint Germain, o Olympique de Marselha e o Saint-Etienne. Outros esportes populares são o rúgbi, basquete, ciclismo, tênis e automobilismo. Grandes eventos esportivos como o Roland Garros (tênis), o Grand Prix (automobilismo) e o Tour de France (ciclismo) são realizados em território francês. Um dos jogos mais difundidos na França é a petanca, que se joga em parques e praças e consiste em atirar bolas metálicas e tentar posicioná-las o mais perto possível do boliche (bola maior lançada anteriormente por um jogador).
  • Festas pátrias. Uma das festas que se estende ao longo de todo o território francês é a que se celebra no dia 14 de julho em comemoração da Tomada da Bastilha (1789). Além disso, são dias feriados na França: o Ano Novo, o Natal, o Dia do Trabalhador, a segunda-feira de Páscoa, o Dia da Vitória de 1945, entre outros.
  • Festividades. As festas e festivais mais populares na França são a festa da Candelária (na qual se preparam crepes), as feiras de Nîmes (cidade ao sul do país), o carnaval de Nice, a festa da Música, o Peixe de Abril, entre muitas outras.

A economia francesa

Francia - vino
A França é o segundo produtor mundial de vinhos, depois da Itália.

A França é uma das principais economias do mundo e a segunda da Europa, atrás da Alemanha. Para este país, o comércio internacional ocupa um lugar de grande importância e exporta produtos primários provenientes da indústria pecuária e da agricultura. Alguns dos produtos exportados são o trigo, a batata, os laticínios, a carne de porco, as aves de curral e os frutos, como maçãs, uvas, peras, pêssegos e melões.

Entre seus recursos econômicos se destaca a vinicultura, atividade que posiciona a França como o segundo produtor mundial de vinho, depois da Itália.

Grande parte da economia francesa baseia-se no setor dos serviços, onde é exercida uma grande percentagem da mão de obra. A França é um dos países mais visitados do mundo, a indústria hoteleira e do turismo são atividades muito desenvolvidas e são as que mais receitas geram no país. Também se destacam, dentro das atividades terciárias, rubros como o comércio e os restaurantes.

A França é também um dos países mais industrializados do mundo, muitas das multinacionais mais reconhecidas têm a sua sede ou escritórios neste país. Algumas das áreas em que se destaca são: a indústria química, aeronáutica, automotiva, telecomunicações, cosméticos, farmacêutica, entre outras.

Este país está em 46º lugar no ranking do Índice de Desenvolvimento Humano realizado pela Organização das Nações Unidas, que mede a esperança de vida, o nível de educação e o PIB per capita de uma nação.

A forma de governo francês

Na França, é o presidente que designa os membros do governo.

A França tem uma forma de governo chamada república semipresidencial. O país está sob o comando de um presidente, que é o chefe de Estado e é eleito por sufrágio universal por um mandato de cinco anos. O Presidente é responsável pela nomeação do primeiro-ministro, que échefe de governo, e dos ministros e secretários.

O poder legislativo francês é representado pelo Parlamento composto pela Assembleia Nacional e pelo Senado. O Senado francês é composto por 348 representantes e a Assembleia Nacional é representada por 577 deputados. Ambas as câmaras têm sede em Paris.

O poder mais alto dentro do poder judicial francês é exercido pelo Supremo Tribunal e outras instituições políticas importantes na França são o Conselho Constitucional e o Conselho de Estado.

No turismo na França

Há vários anos, a França está entre os primeiros cinco países mais visitados do mundo. Paris, sua capital, é um dos destinos mais escolhidos pelo turismo mundial.

Os turistas que chegam à França são atraídos pela sua cultura, história, cidades, pelas paisagens, vinhos e pela gastronomia.

Alguns dos lugares mais visitados na França são:

  • O Museu do Louvre, Notre Dame, Moulin Rouge e a Torre Eiffel em Paris.
  • O palácio de Versalhes.
  • Monte Saint Michel, na Normandia.
  • Os Alpes.
  • Regiões e cidades como a Alsácia, Toulouse, Lyon e Marselha.
  • O Vale do Loire.
  • A Costa Azul.
  • As rotas do vinho.

Referências

Como citar?

As citações ou referências aos nossos artigos podem ser usadas de forma livre para pesquisas. Para citarnos, sugerimos utilizar as normas da ABNT NBR 14724:

SPOSOB, Gustavo. França. Enciclopedia Humanidades, 2023. Disponível em: https://humanidades.com/br/franca/. Acesso em: 28 fevereiro, 2024.

Sobre o autor

Autor: Gustavo Sposob

Professor de Geografia do ensino médio e superior (UBA).

Traduzido por: Cristina Zambra

Licenciada em Letras: Português e Literaturas da Língua Portuguesa (UNIJUÍ)

Data da última edição: 26 fevereiro, 2024
Data de publicação: 6 março, 2023

Esta informação foi útil para você?

Não

    Genial! Obrigado por nos visitar :)