Camadas da Terra

Vamos explicar quais são as camadas da Terra e suas características. Além disso, as partes que apresentam e suas principais funções.

A Terra é dividida em três conjuntos de camadas: a geosfera, a hidrosfera e a atmosfera.

As camadas da Terra são envolturas que se encontram desde o núcleo, no centro do planeta, até a exosfera, a camada superior da atmosfera.

Existem três grupos gerais de camadas, segundo seu tipo de composição: geosfera, hidrosfera e atmosfera. A geosfera é o conjunto de camadas que constitui o interior da Terra, e que serve de sustento para os outros dois conjuntos: a hidrosfera e a atmosfera.

A geologia é a ciência que estuda a composição e estrutura das camadas do interior da Terra, a fim de conhecer a evolução do planeta. A meteorologia e a climatologia estudam principalmente a atmosfera, e a hidrologia e a oceanografia se dedicam ao estudo da hidrosfera.

Características das camadas da Terra

As principais características são:

  • Divide-se em geosfera, hidrosfera e atmosfera.
  • As camadas da geosfera são o núcleo interno, o núcleo externo, o manto e a crosta.
  • As camadas da atmosfera são a troposfera, a estratosfera, a mesosfera, a ionosfera e a exosfera.
  • A água líquida que compõe a hidrosfera é encontrada em rios, lagos, lagoas, oceanos e embaixo da terra.
  • A água sólida que compõe a hidrosfera é encontrada em calotas polares e glaciares.
  • A água em estado gasoso que compõe a hidrosfera se encontra sob a forma de vapor de água na atmosfera.

A geosfera

A geosfera é formada por quatro camadas que abrangem desde o núcleo até a superfície terrestre. São elas:

  • O núcleo interno. É a camada mais profunda da Terra e consiste em uma grande bola de ferro com um raio de 1216 quilômetros. É composto principalmente por ferro e níquel, e está a uma temperatura muito elevada, aproximadamente de 5505 ºC (quase tanto quanto a temperatura da superfície do Sol).
  • O núcleo externo. É uma camada composta de metais como ferro e níquel no estado líquido e tem aproximadamente 2270 quilômetros de espessura. Devido ao movimento destes componentes, um campo magnético é gerado ao redor do planeta.
  • O manto. É a camada que cobre o núcleo externo e a que tem maior espessura, representando 84% do volume da Terra. Sua natureza é semiplástica (ou seja, um estado entre sólido e líquido), e consiste principalmente de metais como o ferro e minerais como o magnésio. A parte superior do manto se denomina astenosfera e é onde acontecem os movimentos de magma que geram o deslocamento das placas tectônicas.
  • A crosta. É a camada fina e externa que envolve a Terra, onde se desenvolve a biosfera. Representa 1% do volume do planeta e é composta por elementos de massa relativamente leve, como alumínio, silício, cálcio e oxigênio. Divide-se em dois tipos: continental e oceânica. A sua espessura média é de 100 quilômetros, mas pode ultrapassar os 250 nos setores mais antigos dos continentes.

Inge Lehmann nasceu em 1888 e foi uma sismóloga dinamarquesa que obteve dois mestrados: um em matemática e outro em geodésia. Foi pioneira na incorporação das mulheres às ciências naturais e à matemática. Seus estudos contribuíram ao conhecimento do interior do planeta e à descoberta do núcleo interno da Terra, por isso foi amplamente reconhecida pela comunidade científica internacional. Morreu em 1993, aos 105 anos.

A hidrosfera

Capas de la Tierra
A água no estado sólido pode ser encontrada nas regiões mais frias do planeta.

A hidrosfera é a camada de água da Terra que pode se apresentar em estado sólido, gasoso ou líquido.

A água no estado sólido se encontra nas regiões mais frias do planeta, como a Antártida e as zonas montanhosas muito altas. Sua presença é abundante em glaciares e gelos continentais, e no polo Norte aparece em forma de calotas polares.

A água em estado gasoso é o vapor de água que se encontra na atmosfera e constitui um dos principais componentes da hidrosfera. O vapor de água é essencial para compreender a dinâmica climática do planeta, já que afeta a formação de nuvens, chuvas e outros fenômenos meteorológicos.

A água em estado líquido se encontra nos rios, lagos e lagoas continentais. Também abaixo da terra como água subterrânea, e nos mares e oceanos como água salgada. A água doce continental é fundamental para o abastecimento da população e para a irrigação dos cultivos.

A atmosfera

A atmosfera é formada por diferentes camadas de gases. A maior parte é constituída por oxigênio, nitrogênio e vapor de água e, em menor medida, ozônio, dióxido de carbono e metano.

As camadas da atmosfera são:

  • Troposfera. É a camada que está em contato com a superfície terrestre e na qual se geram os processos climáticos e meteorológicos. É composta principalmente por nitrogênio, oxigênio e vapor de água, e tem uma espessura aproximada de 10 quilômetros. À medida que a altitude aumenta, tanto a temperatura como a pressão e a densidade do ar são menores.
  • Estratosfera. É composta por elementos inorgânicos, como óxido de nitrogênio, ácido nítrico, ácido sulfúrico, ozônio e halogênios. Na parte exterior da estratosfera se encontra a camada de ozônio, que é muito importante porque atua como um filtro para os raios ultravioletas que provêm do Sol e que são danosos para a saúde das pessoas.
  • Mesosfera. É a camada da atmosfera que protege o planeta do impacto de meteoritos e asteroides, já que é nela que se desintegram vindo do espaço. Sua temperatura diminui à medida que aumenta a altura e atinge -80 °C.
  • Termosfera ou ionosfera. Nesta camada se produzem abundantes processos de ionização, o que origina grande concentração de elétrons. Estende-se até os 500 quilômetros de altura e é a camada da atmosfera que favorece a transmissão das ondas de rádio.
  • Exosfera. É a camada menos densa de todas e é composta por hélio e hidrogênio. É uma zona de transição entre a atmosfera da Terra e o espaço exterior, onde não há gases e nem gravidade. Vários satélites artificiais costumam orbitar na exosfera, pois proporcionam informação para as telecomunicações, para as previsões climáticas e sobre a superfície terrestre.

Referências

  • Milo, A. (2023). Atmósfera terrestre: así funciona el manto vital que permite la vida en la Tierra tal como la conocemos. National Geographic en Español. https://www.ngenespanol.com/
  • Novillo, C. (2022). Qué es la hidrósfera: definición y características. EcologíaVerde. https://www.ecologiaverde.com/
  • Tarbuck, E. y Lutgens, F. (2005). Ciencias de la Tierra. Una introducción a la geología física. Prentice Hall. 

Como citar?

As citações ou referências aos nossos artigos podem ser usadas de forma livre para pesquisas. Para citarnos, sugerimos utilizar as normas da ABNT NBR 14724:

SPOSOB, Gustavo. Camadas da Terra. Enciclopedia Humanidades, 2024. Disponível em: https://humanidades.com/br/camadas-da-terra/. Acesso em: 20 fevereiro, 2024.

Sobre o autor

Autor: Gustavo Sposob

Professor de Geografia do ensino médio e superior (UBA).

Traduzido por: Cristina Zambra

Licenciada em Letras: Português e Literaturas da Língua Portuguesa (UNIJUÍ)

Data da última edição: 18 fevereiro, 2024
Data de publicação: 22 janeiro, 2024

Esta informação foi útil para você?

Não

    Genial! Obrigado por nos visitar :)