Indústria manufatureira

Vamos explicar o que é a indústria manufatureira, os tipos de indústrias e exemplos. Além disso, a sua importância e o impacto ambiental que gera.

Industria manufacturera
A indústria manufatureira faz parte do setor secundário da economia de um país.

O que é a indústria manufatureira?

A indústria manufatureira é a que se dedica à transformação da matéria-prima ou de produtos semitransformados em novos bens de consumo final, ou seja, em mercadorias prontas para serem comercializadas.

O trabalho de manufatura corresponde ao setor secundário da economia de um país. Diferencia-se do setor primário que agrupa atividades de transformação dos recursos naturais, como a coleta e a extração de matérias-primas, e da elaboração de produtos semiacabados.

Epistemologia: A palavra manufatura vem do latim manus que significa “mão” e facere que significa “fazer”, ou seja, trata-se de bens elaborados de forma manual.

Alguns exemplos de indústrias manufatureiras são: uma padaria com elaboração própria, uma fábrica de móveis de madeira de pinheiro, uma empresa metalúrgica que pode produzir desde ferramentas ou insumos até máquinas de metal ou uma fábrica têxtil que elabora fios e tecidos.

PONTOS IMPORTANTES

  • A indústria manufatureira fabrica produtos ou bens prontos para consumir.
  • Pertence ao setor secundário da economia e tudo o que produz equivale ao Produto Interno Bruto (PIB) de uma nação.
  • A manufatura dos bens se realiza a partir das matérias-primas e dos bens semiacabados, que são obtidos pelas indústrias agropecuárias, mineiras, pecuárias, entre outras indústrias do setor primário.

Tipos de indústrias manufatureiras

Industria manufacturera
As indústrias manufatureiras empregam diferentes sistemas produtivos de acordo com a demanda.

Os tipos de indústrias manufatureiras se diferenciam segundo o modelo produtivo ou de fabricação que implementam, e podem ser:

  • Indústrias de produção contínua. Seus processos de manufatura trabalham de forma contínua, isto é, sem parar a produção em nenhum momento, durante as 24 horas do dia, os sete dias da semana e com empregados rotativos. O objetivo é produzir a maior quantidade possível de artigos.
  • Indústrias de produção em série. Os seus processos de manufatura em grande escala estão condicionados pela procura ou por determinadas quantidades mínimas. Os equipamentos e máquinas industriais utilizados para este tipo de manufatura requerem quantidades mínimas para produzir, devido aos elevados custos e tempos de execução que requer o seu funcionamento.
  • Indústrias de produção repetitiva. Seus processos de manufatura contínua se aplicam especificamente para produtos similares entre si, para a produção em série ou para a fabricação de peças simples que fazem parte de outro produto.

Exemplos de indústrias manufatureiras

Entre as principais indústrias manufatureiras, destacam-se as seguintes:

  • A indústria têxtil. Agrupa atividades que trabalham na transformação de algodão, linho e lã crua para a elaboração de fios e tecidos.
  • A indústria alimentar. Agrupa atividades que trabalham na transformação de matérias-primas, na sua maioria de origem agropecuária, para obter alimentos para consumo humano e de outros animais.
  • A indústria química. Agrupa atividades que transformam as matérias-primas naturais (como os minerais ou o carvão) e as de produção sintética (como substâncias químicas para a produção de tintas e solventes) em substâncias diferentes das originais que são utilizadas pelo ser humano. Os produtos químicos podem ser semiacabados, destinados a outras indústrias ou acabados para consumo final.
  • A indústria de tecnologia avançada. Também denominada indústria de alta tecnologia, de tecnologia de ponta ou de última geração, agrupa atividades que trabalham no desenvolvimento de técnicas e recursos inovadores que impactam em múltiplos âmbitos da vida, como na saúde, na educação, no transporte ou na alimentação, com o objetivo de facilitar a vida das pessoas ou satisfazer novas necessidades.
  • A indústria do transporte. Agrupa atividades que transformam matérias-primas para a fabricação de equipamentos, peças e veículos, como bicicletas, motocicletas, automóveis, ônibus, caminhões, barcos, trens, aeronaves, entre outros veículos. O transporte é um elo fundamental entre os diferentes setores da economia.
  • A indústria farmacêutica. Agrupa atividades que transformam diversas substâncias químicas e princípios ativos para a fabricação de medicamentos. Além da produção, dedica-se à investigação e ao desenvolvimento de técnicas inovadoras para o tratamento das matérias-primas.
  • A indústria das telecomunicações. Agrupa atividades de engenharia e tecnologia que trabalham na infraestrutura necessária para prestar serviços de transmissão e recepção de diversos tipos de sinais audiovisuais, eletromagnéticos ou de frequência modulada. Requer diversos dispositivos para o seu consumo: rádios, televisores, dispositivos eletrônicos, celulares, redes e servidores de internet, dispositivos de radionavegação, entre muitos outros.
  • A indústria elétrica. Agrupa atividades de engenharia e tecnologia para a geração, transmissão, manutenção e distribuição da energia elétrica para abastecer as demais indústrias, unidades de produção e a sociedade.
  • A indústria da construção. Agrupa atividades que prestam serviços de arquitetura, engenharia e fabricação de bens e materiais para a construção de estradas, obras urbanas e hidráulicas e habitações.
  • O artesanato industrial. Agrupa atividades que transformam os insumos de outras atividades industriais. Emprega técnicas que permitem uma produção em média escala, através da elaboração manual mecanizada, que resulta em peças diferentes entre si, diferentemente da produção em série em grande escala.

Importância da indústria manufatureira

A indústria manufatureira (o setor secundário da economia) é fundamental porque produz todos os bens e serviços comercializados na sociedade. Esta indústria, além disso, promove o emprego e gera lucros ou desenvolvimento da economia.

A produção ou indústria manufatureira representa o produto interno bruto (PIB) de um país. Para efeitos da contabilidade de um país, o PIB é o valor monetário de toda a produção de bens e serviços gerados durante um ano, para além de outros aspectos que são levados em consideração para o seu cálculo.

O impacto ambiental da indústria manufatureira

Industria manufacturera
Todas as atividades industriais geram tanto impacto positivo quanto negativo.

A atividade industrial tem um impacto positivo (porque satisfaz as necessidades da sociedade) e negativo (porque pode poluir ou desequilibrar a biodiversidade).

O modelo de gestão denominado Responsabilidade Social Empresarial (RSE) surgiu diante da necessidade de reduzir o impacto negativo da atividade industrial e da empresarial. O objetivo da gestão RSE é encontrar um equilíbrio entre o manejo dos recursos (humanos e naturais), do impacto da atividade comercial no meio ambiente e da obtenção de lucros.

Atualmente, uma empresa não é considerada bem-sucedida pelo simples fato de obter lucros ou de produzir ao máximo a sua capacidade no menor tempo possível. As empresas enfrentam hoje em dia outros desafios, como a transparência no que diz respeito à proveniência das matérias-primas, à garantia do trabalho da mão de obra livre de exploração e à redução do impacto negativo da sua atividade no meio ambiente.

Referências

  • INEGI (2022). Industria manufacturera, de: INEGI
  • Happy learning (2019). El sector secundario: el trabajo y su clasificación (video), de: YouTube
  • Postgrado UCSP (2022). Guía sobre los procesos de manufactura, de: UCSP

Como citar?

As citações ou referências aos nossos artigos podem ser usadas de forma livre para pesquisas. Para citarnos, sugerimos utilizar as normas da ABNT NBR 14724:

DE AZKUE, Inés. Indústria manufatureira. Enciclopédia Humanidades, 2023. Disponível em: https://humanidades.com/br/industria-manufatureira/. Acesso em: 7 junho, 2024.

Sobre o autor

Autor: Inés de Azkue

Licenciada em Publicidade (Universidad de Morón)

Traduzido por: Cristina Zambra

Licenciada em Letras: Português e Literaturas da Língua Portuguesa (UNIJUÍ)

Data da última edição: 18 julho, 2023
Data de publicação: 16 julho, 2023

Esta informação foi útil para você?

Não

    Genial! Obrigado por nos visitar :)